quinta-feira, 20 de maio de 2010

A guerra não é um brinquedo

Visita ao Parque da Juventude, no âmbito do projecto " A guerra não é um brinquedo".
Parabéns ao Francisco e à Catarina que desempenharam um excelente trabalho a entrevistar os escultores .
Brevemente mais notícias...

terça-feira, 18 de maio de 2010

QUEM QUER SER MILIONÁRIO?

Portal das Escolas - Ver Recurso Educativo

Já conhecem o jogo?
Então vamos jogar e boa sorte

segunda-feira, 10 de maio de 2010

FOI APENAS UM DIA...

Se achas ou tens a certeza que alguém está a sofrer bullying, fala com os teus pais, com um professor em quem confies ou envia mesmo uma denúncia para este blog

PARABÉNS
Aos nossos colegas Diogo Fernando Faria Xavier,Ana Filipa Fernandes Martins,José Alexandre Ribeiro Ferreira,Bruno Miguel Machado Ribeiro,Vânia Rafaela Ribeiro e Ana Isabel Ferreira da Silva que ficaram nos 10 primeiros lugares do MAISmat 6º ano - REDEmat 2010,de entre as 110 equipas de BRAGA.

Jason Mraz Im Yours Live

ANIMAIS EM VIAS DE EXTINÇÂO



TRABALHO FEITO PELA ANA FILIPA OLIVEIRA PARA AP, EM ARTICULAÇÃO COM CN.
Trabalho excelente.Vê-se que pesquisaste bastante.
Vamos só procurar colocar mais um bocadinho de texto. OK?
Parabéns.

sábado, 8 de maio de 2010

JOANA VASCONCELOS

TURMA
Vejam a criatividade desta "nossa" artista plástica JOANA VASCONCELOS.
Cliquem aqui no endereço do site dela:
http://www.joanavasconcelos.com/

sexta-feira, 7 de maio de 2010

BIODIVERSIDADE



Trabalho realizado por um grupo de alunos do 6ºD sobre Biodiversidade, em articulação com CN, AP e FC, no âmbito do projecto de turma,

segunda-feira, 3 de maio de 2010

quinta-feira, 29 de abril de 2010

terça-feira, 20 de abril de 2010

sábado, 3 de abril de 2010

Trabalho sobre Bullying em Formação Cívica

Bullying

O bullying é o comportamento agressivo, negativo, quando executado repetidamente.
O bullying directo,a forma mais conhecida,é mais frequente entre os agressores masculinos.
Há uma basta variedade de técnicas que vai desde espalhar comentários, recusar ser amigo, intimidar outras pessoas que pretendam fazer amizades com a vítima ou então criticar o modo de vestir, a religião, incapacidades, etc.
Existe ainda o bullying indirecto, também conhecido por agressão social.
O bullying pode ocorrer em vários locais: escolas, local de trabalho, vizinhança, política ou militar.
Principais tipos de Bullying:
-Físico
-Verbal
-Moral
-Sexual
-Psicológico
-Material
-Virtual
Efeitos sobre a vítima incluem:
Depressão
Stress
Torna-se também agressor
Ansiedade
Problemas gástricos
Dores
Perda de auto-estima
Medo
Abuso de drogas e álcool
Automutilação
Bullycídio (suicídio)

Eu, felizmente, não conheço nenhum caso e espero que tu também não venhas a conhecer nenhum na turma ou comigo.
Em caso de Bullying sei o que devo fazer.

Rita Campos Ferraz Nº22 6ºD

Bullying

O que eu vi no vídeo é uma coisa muito feia.
As pessoas que fazem bullying são cobardes.
As pessoas que sofrem bullying devem ir ao psicólogo
As crianças que sofrem todos os dias devem contar aos pais para os ajudar.
As crianças que sofrem bullying devem contar aos professores para se acabar com o bullying e termos escolas, calmas e seguras.
Não deveria haver medo de entrar na escola.
Eu quero que a escola Bernardino Machado continue a ser segura e calma.

Luis Lima

domingo, 14 de março de 2010

SCRATCH

Feito pela Mariana e pelo Francisco
Scratch Project

terça-feira, 9 de março de 2010

PEÇA DE TEATRO- Implantação da República

Já temos as falas e os personagens para o teatro:
Luís:-Boa tarde! Sejam bem-vindos ao tele 5 de Outubro. Hoje temos como notícia de abertura a invasão de uma multidão ao pátio da Câmara Municipal de Lisboa.
Daniel:-Esta multidão parece descontente com a monarquia. O nosso repórter já lá está em directo.
Para o repórter:-João, como está aí a situação?
João:-Neste momento as pessoas já acalmaram um bocado, pois, quando aqui cheguei vi cinco padiolas, dez guardas no chão e, segundo as informações que obtive, três já estão no hospital, em coma. Vamos falar aqui com um cidadão (aproxima-se dele).
-Boa tarde, pode explicar-me por que razão se encontra aqui?
Brian:-Isto é assim. Nós estamos aqui porque sentimo-nos muito descontentes com a maneira de governar o nosso país, ou seja, com a monarquia.
João:-E o que pensam fazer para mudar isso?
Brian:-Vamos implantar uma nova forma de governar, a República.
João: -Como é que essa nova maneira de governar, a República, vai funcionar?
Brian:-Na República os cidadãos é que escolhem o seu presidente que governa durante um período limitado, ou seja, tem um prazo para governar.
João:-E já há candidatos?
Brian:-Sim.Não devem faltar.
João:-Quantos? Podemos saber?
Brian:-Lamento mas ainda não posso revelar o número de candidatos.
João:-Então parece que ficamos por aqui. Passo aí então para o estúdio.
Luís:-Obrigado, João. Agora vamos em directo para o Palácio onde está a nossa repórter, que vai esmiuçar o nosso rei sobre o que aconteceu esta tarde junto à Câmara Municipal.
Ana Maria:-Exactamente. Mas parece que vou ter de falar primeiro com um dos seus guardas. (dirige-se ao guarda).-Diga-me podemos falar com o rei?
Paulo:-Lamento, mas não.
Ana Maria:-Porquê?
Paulo:-Porque… o rei… o rei desapareceu.
Ana Maria:-A sério?
Paulo:-Sim…
Ana Maria:-Bem parece que não posso fazer mais nada. Passo então a emissão aí ao estúdio.
Daniel:-Muito obrigado, Ana. Então parece que temos um desaparecimento. E todos, neste momento, fazem a mesma pergunta: onde está Faísca?
Luís:-Não é o Faísca. É o Rei!
Daniel:-Ah! Pois. Peço desculpa. Afinal onde está o rei?
Luís:-Enquanto não sabemos onde está o rei decidimos abrir uma rubrica em que as pessoas ligam para nós a dizer se viram o rei. E já temos uma chamada. Estou?
Rita:-Estou sim? Fala da Pizza Hut? Queria encomendar duas pizzas, uma normal com duplo queijo e uma bacon cheese burguer, ok?
Luís:-Desculpe, mas não é da Pizza Hut. É do Tele 5 de Outubro.
Rita:-Ai não é da Pizza Hut? Então, desculpe lá. Chau (tú tú tú)
Daniel:-E depois deste engano temos um segundo telefonema. Estou sim muito boa tarde?
Filipa:-Tou? Fala do Tele 5 de Outubro? Sr. Daniel, sabe,gosto muito de si e do seu amigo que já não me lembro do nome. Mas não foi isso que me trouxe aqui. Sabe, tenho informações sobre o rei. O meu marido trabalha no estreito de Gibraltar e esta manhã viu o rei. Foi em Marrocos que o rei e os seus guardas aportaram. Ele ouviu-os dizer que o rei ia lá ficar até amanhã e depois partiria para a Inglaterra. E é tudo o que sei, meu querido.
Daniel:-Muito obrigado, pela feliz notícia. Os telespectadores podem achar estranho mas já temos os nossos repórteres no local onde se encontra o rei. Sabem, a nossa tecnologia é muito avançada.
Luís: (voltando-se para os repórteres) -Digam-me, por favor, que o rei não fugiu outra vez, senão os nossos telespectadores vão pensar que estamos a gozar com eles!
Ana Maria:-Está descansado que, o rei desta vez não escapou. Vamos então tentar falar com ele já que se encontra rodeado pelos seus guardas. Sua Majestade, sua Majestade, estamos em directo para o Tele 5 de Outubro. Pode dizer-nos qual o motivo do seu desaparecimento?
Francisco:-Sim, posso. Após a morte do meu pai e do meu irmão, eu fui eleito rei, mas não estava preparado para exercer tal cargo. Depois, o meu conselheiro disse-me que era melhor sair do país. Quando estava aqui, apareceram uns homens que me levaram para um sítio escuro onde outro homem me disse que eu ia ser exilado na Inglaterra.
Ana Maria:-Mas isso é mau,não é?
Francisco:-Isto é péssimo! Hoje é o meu último dia em liberdade. (quase a chorar)
Ana Maria:-E há mais alguma coisa que nos quer dizer?
Francisco:-Podem ir visitar-me a Inglaterra? Eu dou-vos a morada e tudo…
Ana Maria:-Não, não, obrigada. Dispenso. (para a câmara) Então, é tudo por aqui. Passo a emissão para o estúdio.
Daniel:-Obrigado, Ana. E, agora, vamos em directo, novamente para o pátio da Câmara Municipal. João, o que é que se passa aí?
João:-Isso é o que eu estou a tentar descobrir. Olhe você, sim você. (aproximando-se da Catarina) Pode dizer-me porque é que está toda a gente tão exaltada?
Catarina:-Nós estamos assim porque já sabemos que o rei vai ser exilado e, por isso, vamos eleger um presidente.
João:-E quantos são os candidatos?
Catarina:-Três.
João:-E quem são?
Catarina:-São aqueles três homens altos, ali à frente, a falar com os mais baixos. Está a vê-los?
João:-Sim, estou.
Catarina:-Chiu, não faça barulho. Estão a anunciar os resultados.
(passado pouco tempo…)
João:-E então? Quem é que ganhou?
Catarina:-Aquele que está com um sorriso na cara e que está a felicitar toda a gente. Está a vê-lo?
João:-Sim. (voltando-se para a câmara) E por aqui é tudo. Passo a emissão para aí o estúdio.
Luís:-Obrigado, João. E por aqui também é tudo. Não há mais nada para dizer, pois não Daniel?
Daniel:-Não. (pensativo) Ah! Mas nunca se esqueçam de ver o nosso programa onde as histórias são sempre em segunda mão, verdadeiras e actualizadas. Até à próxima, caros telespectadores.
Luís:-Até à próxima emissão.

Agora falta o resto...

PAPEL MACHÊ

Também da autoria da Ana Isabel Silva

BERNARDINO MACHADO

Biografia de BERNARDINO MACHADO
Autora:
Ana Isabel Silva

sábado, 6 de março de 2010

PAPEL MACHÊ

AQUI ESTÁ O TRABALHO DA
ANA FILIPA OLIVEIRA
O que é Papel Machê?-
Papel machê (palavra originada do francês papier mâché, que significa papel picado, amassado e esmagado), é uma massa feita com papel picado ensopado na água, coado e depois misturado com cola e gesso A técnica de Papel Machê permite moldar objectos em diferentes formatos, utilitários e decorativos.
A massa deve ser usada no máximo de um dia para outro mas guardada.

Receita: machê (receita 01)
• 1/4 de rolo de papel higiénico
• Farinha de trigo
• Gesso em partes iguais a da farinha de trigo
• Cola fria


Cortar o papel em pedaços bem pequenos e deixá-los de molho em bastante água durante a noite. Ferve-los na mesma água, durante uma hora. Para obter melhor qualidade no trabalho, é importante que o papel fique completamente desmanchado. Em seguida coar o papel num pano, até tirar toda a água. Coar de cada vez quantidades que se possa espremer facilmente com as mãos e não misturar esses "bolos" entre si. Depois de espremido todo o papel, acrescenta-se o gesso e a farinha de trigo, previamente misturados. A proporção para a massa é de uma colher de sopa cheia da mistura farinha-gesso e uma colher de sopa de cola fria, para cada "bolo" de papel. Amassar bem, até obter uma pasta homogénea. Se estiver muito seca pode-se esfarinhar. Neste caso, acrescenta-se água aos pouquinhos, até se obter o ponto em que possa-se trabalhar a massa. Se a água começar a escorrer entre os dedos, é porque se colocou quantidade excessiva. Neste caso, acrescenta-se um pouco mais de gesso. Não preparar quantidade maior de massa do que aquela que se pretende usar, pois uma vez seco o gesso, não será possível aproveitar a massa. Se desejar fazer escultura com esse material, não usar gesso, ao preparar a mistura. Fazer apenas com o papel, farinha e cola fria, na proporção indicada anteriormente.


Papel machê (receita 02)
• Jornais
• Cola fria
• Recipiente


Rasgue o jornal em pedaços não muito grandes e coloque-os num recipiente. Derrame sobre eles água quente a fim de molhá-los bem. Deixe o papel amolecendo por 10 a 12 horas (uma noite), no mínimo. Esprema com força a massa entre as mãos a fim de retirar toda a água; recoloque as bolas formadas no recipiente. Adicione a cola e forme uma massa, de preferência, compacta; trabalhe-a bem com as mãos e ela está pronta para ser usada

PARABÉNS ANA

quarta-feira, 3 de março de 2010

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

A GUERRA NÃO É UM BRINQUEDO

A Guerra não é um Brinquedo - é uma iniciativa da Amnistia Internacional Portugal

Os objectivos gerais deste projecto são:
1- Levar à comunidade educativa e ao seio familiar a discussão e reflexão sobre o tema da violência e uso de armas;
2- Sensibilizar o grande público para a mesma questão, através da construção de uma escultura simbólica pela paz.


A nossa turma aderiu com muito entusiasmo a este projecto e está muito empenhada na concretização do mesmo.

Estas fotografias foram tiradas no dia do I Encontro Nacional de Educação para os Direitos Humanos- 12 de Fevereiro, na Casa das Artes em V. N. de Famalicão

sábado, 13 de fevereiro de 2010

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Os alunos do mês de Janeiro

Parabéns.
Ana Catarina, Diana Vanessa, Francisco, Alexandre, Jose Manuel, Helena e Sara Filipa

domingo, 31 de janeiro de 2010

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

ATENÇÃO TURMA


Há uma turma com melhor aproveitamento do que a nossa.
Temos de mudar os resultados e todos sabemos muito bem como é.


Toca a trabalhar

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Dieta Saudável

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

É SEMPRE BOM RELEMBRAR...

AS 3 PENEIRAS



Olavo trabalhava numa grande empresa e foi transferido de projecto.

Logo no primeiro dia, para ficar bem visto pelo novo chefe, saiu-se com esta: - Chefe, o senhor nem imagina o que me contaram a respeito do Silva. Disseram que ele…

Nem chegou a terminar a frase, pois Juliano, o chefe, replicou de imediato:

- Espere aí, Olavo. O que me vai contar já passou pelo crivo das três peneiras? - Três peneiras? Que peneiras,chefe? - A primeira, Olavo, é a da VERDADE. Você tem a certeza de que esse facto é absolutamente verdadeiro? - Não. Não tenho, não. Como posso saber? O que sei foi o que me contaram. Mas eu acho que… E, novamente, o Olavo foi interrompido pelo chefe: - Então a sua historia já falhou a primeira peneira. Vamos então para a segunda peneira que é a da BONDADE. Você gostaria que os outros também dissessem a seu respeito aquilo que você me vai contar? - Claro que não! Deus me livre, chefe - disse o Olavo, assustado.

- Então, - continuou o chefe - a sua historia falhou a segunda peneira.

- Vamos ver a terceira peneira, que é a da NECESSIDADE. Você acha mesmo necessário contar-me esse facto ou até mesmo divulgá-lo a terceiros? - Não, chefe. De facto, passando pelo crivo dessas peneiras vi que não sobrou nada do que eu iria contar-lhe - disse o Olavo, surpreendido. - Pois é, Olavo, já pensou como as pessoas seriam mais felizes se todos usassem essas peneiras? disse o chefe, que continuou:

- Da próxima vez que surgir um boato por aí, submeta-o ao crivo destas três peneiras: VERDADE - BONDADE - NECESSIDADE, antes de obedecer ao impulso de o divulgar, porque:



AS PESSOAS INTELIGENTES FALAM SOBRE IDEIAS

AS PESSOAS COMUNS FALAM SOBRE COISAS

E AS PESSOAS MEDÍOCRES FALAM SOBRE PESSOAS



Publiquei em 15 de Março de 2009, mas achei bem publicar outra vez, pois parece que alguém se anda a esquecer desta lição.

Dicas de Segurança na Internet Para Adolescentes

1) Sê cuidadoso com o que publicas na Web e sobre o que dizes aos outros. A Web é um local muito mais público e permanente do que parece.

2) Nomes e imagens provocantes e sexy podem atrair a atenção de pessoas que não queres na tua vida.

3)Imagens sexy podem pôr-te em sarilhos com a lei.Se fores menor de idade, tal pode ser considerado pornografia infantil, um crime sério.

4) Sê cuidadoso com os downloads que fazes ou com o que vês, mesmo que a troco de uma gargalhada. Algumas imagens na Internet são extremas e não podes "desvêr" uma coisa.

5) Ir a salas de chat de cariz sexual sexo e a outros sites de sexo pode ligar-te a pessoas que te podem assediar de formas que não anteciparás.

6)Os downloads gratuitos e a partilha de ficheiros podem levar pornografia ao teu computador que tu podes não desejar e da qual pode ser difícil livrares-te. Qualquer pornografia que mostre crianças ou adolescentes menores de 18 anos é pornografia infantil ilegal e pode colocar-te em grandes problemas.

7)Os adultos que falam contigo sobre sexo online estão a cometer um crime. Tal como o estão adultos que se encontram para actividades sexuais com adolescentes menores de idade. Alguns adolescentes pensam que pode ser divertido, inofensivo ou romântico, mas tal significa grandes problemas para todos os envolvidos. O melhor a fazer é denunciar esse tipo de situações.

8)Não alinhes com pessoas que na Web estão a comportar-se mal, correr riscos e actuar de forma estranha. Mesmo se pensares que é inofensivo e que aches que consegues lidar com a situação, pois apenas os irás encorajar e poderás colocar em risco outros jovens.

9) Denuncias os casos de outras pessoas que estejam a actuar de forma estranha ou inapropriada ou a assediar-te ou a assediar outros. Estas pessoas podem ser perigosas e desligares-te dá menos trabalho. Guarda as comunicações. Contacta o gestor do site, o teu fornecedor de serviços Internet, a LinhaAlerta ou até a polícia.

10) Não deixes os amigos influenciar as tuas boas decisões. Se estás a navegar na companhia de amigos, não os deixes pressionar-te para fazeres coisas que normalmente não farias.

11) Sê cuidadoso se te fores encontrar com pessoas que conheceste através da Internet. Poderás pensar que as conheces bem, mas elas podem enganar-te. Vai com um amigo. Avisa os teus pais. Encontra-te num local público. Certifica-te que tens o teu telemóvel e um plano de saída.

12) Não assedies os outros. As pessoas podem retaliar de maneiras que não esperas.

13) Podes sobrestimar as tuas capacidades para lidar com as situações. Pode parecer que és cuidadoso, conhecedor, consciente dos perigos e capaz de gerir os riscos que tomas, mas há sempre o desconhecido. Não arrisques o desastre.

- Extracto de documento preparado por David Finkelhor, Janis Wolak, e Kimberly Mitchell para o Crimes against Children Research Center, University of New Hampshire. Para mais informação: www.unh.edu/ccrc. Tradução para Português: Tito de Morais, Projecto MiudosSegurosNa.Net, http://www.MiudosSegurosNa.Net. Autorização para tradução e distribuição gentilmente cedida pelos autores.

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

TEMOS UM NOVO ALUNO NA TURMA...

É um aluno do sexo masculino ,com uma cara bonita, cabelo liso ( cortado recentemente) ,simpático e educado.
No 1º período não se andava  a comportar muito bem, mas agora está um espectáculo.
Então , sabem quem é?
Quem adivinha?

TRABALHO PARA AP

REALIZADO pela nossa Ana Isabel Silva